30 de julho de 2015

Carência de professores nas escolas pública

A falta de professores nas escolas da rede pública do país é um problema crônico. Segundo análise da Câmara de Educação do Conselho Nacional de Educação a carência se aproxima de 300 mil docentes. Todo ano por falta de educadores nas disciplinas de Química, Física e Matemática os alunos ficam se aulas. Raramente repostas. As causas são conhecidas: o baixo salário, a indisponibilidade de profissionais no mercado, sobretudo a inexistência de planos de carreira. Por isso a contratação de temporários. Pernambuco sofre com as aposentadorias, a cessão deles para outros órgãos oficiais, além dos que exercem serviços burocráticos na máquina estadual. Foto: Firmino Caetano Junior. Carlos Ivan. Olinda/PE