5 de outubro de 2015

Solidariedade de forma direta

Muitas pessoas gostam de exercitarem a solidariedade, contribuindo para as diversas campanhas de doações realizadas pela mídia. Porém, nada mais gratificante do que cumprir essa solidariedade de forma direta. Como é bom vermos a expressão de alegria de uma pessoa idosa nos abrigos e de uma criança nos orfanatos ou mesmo de alguém próximo, quando a ajudamos. Agora, é bom não confundir com a alimentação da malandragem de aproveitadores da bondade alheia que ficam perambulando pelas ruas, sem querer estudar e nem trabalhar, tornando degradantes os espaços públicos, pela falta de uma ação efetiva dos órgãos do governo que não recolhem esse pessoal para os seus devidos lugares. Foto: Firmino Caetano Junior. Cláudio de Melo Silva. Olinda/PE