4 de outubro de 2015

Superlotação no presidio de Igarassu

Uma equipe do Conselho Nacional de Justiça realizou recentemente um mutirão carcerário nos presídios de Pernambuco e detectou que as unidades prisionais estão uma lotação acima de sua capacidade. Um dos casos que chamou atenção foi no Presídio de Igarassu, que possui a capacidade para 426 presos, mas atualmente abriga mais 1.800. Segundo informações de familiares de presos e agentes prisionais, o clima é de alerta constante, “parece que convivemos com uma bomba que pode explodir a qualquer momento”, relata. Observação: O presídio recebeu o nome de Igarassu, mas geograficamente estar localizado no município de Itapissuma. Foto: Fernando Melo. Igarassu/PE
A Ouvidoria Geral do Estado agradece a sua manifestação e informa que a mesma foi encaminhada à Ouvidoria da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, área responsável em responder sua manifestação: Ouvidora: Rosemere Nunes/ Daiana Araújo