15 de dezembro de 2015

Manifestações mais enxutas que as anteriores

As manifestações aconteceram mais enxutas que as anteriores, o que não dá para entender. O número de desempregados aumentou uma barbaridade e a inflação passou para dois dígitos. É verdade que os desempregados ainda estão recebendo o seguro desemprego e os trabalhadores ganharam o 13o este mês, portanto ainda existe gordura para queimar. Mas vai acabar! Por isso eles deveriam ter sido os mais pontuais nas manifestações ocorridas dia 13.12.2015, já que são os mais ameaçados. O que precisaria acontecer de mais grave na Economia, na Saúde (epidemias de dengue, chicungunha e zika=microcefalia), na Segurança, e na política (Lava-Jato) que fosse capaz de arrastar multidões às ruas, se um dia bastaram 0,20 centavos para virar o Brasil do avesso? Não foram tomados agora de indignação pelo caos geral?. O Brasil está no fundo do poço, mas parece que este poço não tem fundo. Foto: Internet. Mara Montezuma Assaf. São Paulo/SP