15 de janeiro de 2016

70% da população sem saneamento básico

Das 14 milhões de pessoas que moram nas áreas urbanas dos 1.135 municípios do Semiárido brasileiro, cerca de 10 milhões (71%) não são beneficiadas com coleta de esgoto sanitário, destinando ps dejetos em fossas, sumidouros, valas abertas ou diretamente nos rios. A estimativa consta da publicação "Esgotamento Sanitário: Panorama  para o Semiárido brasileiro", lançado pelo Instituto Nacional do Semiárido (Insa). Desse total. apenas 243 cidades (21%) usam a coleta. Segundo os dados, a cobertura não garante o atendimento a todos. Das 7,3 milhões de pessoas que moram nessas áreas urbanas, cobertas por sistema de esgoto, mais da metade (66%) não é beneficiada. Essa percentagem da população urbana atendida é inferior à média nacional, que alcança 55,5% de atendimento à população urbana. A situação é ainda mais complicada, quando se observa que mesmo os municípios que possuem coleta de esgoto sanitário, 21% deles não realizam o tratamento. Foto: Fernando Melo: Agência Brasil