18 de julho de 2016

Farmácias não para de inaugurar lojas apesar da crise economica

Enquanto milhares de lojas de roupas, eletrodomésticos e até alimentos fecham as portas no Brasil, o setor farmacêutico segue inaugurando dezenas de unidades. Avessa à crise econômica, o segmento cresceu 7% em 2105, com uma expansão ainda maior nas grandes redes de remédios: 12% . Só este subsetor, que é representado por marcas como Pague Menos, Big Ben, Drogasil e Drogarias São Paulo, abriu 394 novas lojas e movimentou R$ 35,94 bilhões em vendas no ano passado, consolidando-se como sendo a única atividade varejista a manter resultados positivos durante a recessão econômica. Um dos fatores para este crescimento é o envelhecimento da população que contribuiu na procura por remédios. O brasil tem hoje 72 mil farmácias. Foto: Firmino Caetano Junior. Marina Barbosa. Jornalista.