24 de outubro de 2013

Pacto pela (des) educação

Reunidos na presença do governador Eduardo Campos, a cúpula da educação no estado, encabeçada pelo secretário de (des) educação Ricardo Dantas, determina mecanismos para garantir-se uma educação pública de qualidade. Entre as medidas apresentadas  para se alcançar tal objetivo estão: 1.Exonerar diretores das escolas Profº Ariano Suassuna,  Nilo Coelho e Nossa Senhora Auxiliadora. 2.Realizar reunião com o Consórcio Grande Recife para atrelar a recarga do cartão VEM à frequência mensal do estudante. 3. Garantir que na próxima seleção de diretores de escola os diretores que obtiveram resultados insatisfatórios em suas escolas não possam permanecer no cargo, mesmo que aprovados no processo seletivo.4.Retirar de sala de aula os professores que não estiverem dando boas aulas e obtendo bons resultados. Resumindo: Educação de qualidade em Pernambuco se faz à base de perseguições aos estudantes, professores e direções de escolas que recusarem-se a rezar a cartilha ditada pela  Secretaria de Educação. Esse é o Pacto. Foto: Albênia Silva. Camaragibe/PE