19 de fevereiro de 2014

Serviço pela metade na cidade Patrimônio Histórico da Humanidade

A Prefeitura da cidade de Olinda, Patrimônio Histórico da Humanidade, em parceria com Governo Federal, realizou o revestimento e urbanização do Canal da Malária, obra que era um dos sonho do povo olindense. Até aí, tudo bem e um belo trabalho. O problema e como nada é perfeito principalmente neste município, é o resto.As ruas que ficaram sem calçamento e vão alagar neste inverno porque ficaram em um nível abaixo do canal. Um exemplo é a rua Pintor Manoel Bandeira (foto), em Casa Caiada. Só ela ficou sem pavimentação e vira uma piscina quando chove porque a rua atrás, por conta da construção de unidades habitacionais, foi calçada. A Prefeitura nem sequer fez um serviço para escoamento da água. Ou seja, o serviço ficou pela metade. A solução é apenas uma canaleta para dar vazão às águas pluviais. Que medidas serão tomadas? Com a Palavra a Secretaria de obras do município de Olinda urgentemente. Foto: Firmino Caetano Junior. José Carlos. Olinda/PE