13 de maio de 2014

Terreno parece mais a floresta amazônica

Este terreno baldio que fica localizado na Avenida Caxangá anexo ao imóvel de número 1985, no bairro do Cordeiro, no Recife, continua sendo usado por pessoas que não prezam pelo meio ambiente, para deixar tudo que não presta dentro. A imundície reina dentro do terreno e o mato cresce sem parar. Também pode ser encontrada centenas de garrafas, pneus usados, grande quantidade de ratos, baratas, cobra, escorpião e principalmente bilhões de muriçocas, que durante toda a noite, saem deste terreno imundo e não deixa a vizinhança dormir de tanta picadas. O descaso é grande como também da falta de irresponsabilidade por parte da Prefeitura da cidade do Recife, que já foi avisada do problema por várias vezes e nada faz. Gostaria de convidar o prefeito do Recife Geraldo Julio e sua equipe, para dormir em uma das casas ou apartamentos que fica próximo do terreno, para sentir o drama das pessoas. Afinal prefeito: Quando finalmente o dono do terreno vai ser notificado? Até quando esta esculhambação vai continuar? Foto: Firmino Caetano Junior. Recife/PE