14 de junho de 2014

Confisco de passagens para trabalhadores e estudantes

O Governo do Estado de Pernambuco tomou uma atitude desonesta com os trabalhadores e estudantes ao confiscar os créditos dos seus cartões de passagem. O Consorcio Grande Recife alegou que simplesmente cumpriu a Lei nº 15.190, que regulamenta o Sistema de Transporte Público, onde determina que a validade dos créditos seja de 180 dias. Pois bem, como é possível o Governo do Estado confiscar os créditos do VEM dos usuários se eles pagaram pelas recargas. Esta atitude me fez lembrar a época do Ex-Presidente Collor, quando houve o confisco na poupança dos cidadãos. Neste Momento pergunto: Onde estão os nossos Deputados Estaduais que aprovaram esta legislação que causou esses danos ao povo pernambucano? Para onde foi o montante de dinheiro confiscado dos cartões de passagem? Foto: Firmino Caetano Junior. Fernando Melo. Igarassu/PE