30 de julho de 2014

Difícil solução para cancelamento assinatura da Sky tv

Alô, Anatel, Procom e o Ministério Público. A SKY TV pune a fidelidade de clientes cobrando indevidamente serviço não prestado, além de tornar um calvário um simples procedimento de cancelamento. No dia 08 de julho passado liguei para cancelar a assinatura, optei pelo autoatendimento anunciado pela Anatel, e notei o protocolo número 96395283. A seguir, recebi e-mail fatura para conferência informando que o valor referente ao mês de agosto, de 21 de julho a 21 de agosto, seria debitado em meu cartão. Liguei novamente no dia 17 de julho reclamando, e me informaram que em 48 horas seria contatado e solucionado. No dia 21 de julho o cartão comunicou débito referente período de 21 de julho/21 agosto. Liguei pela terceira vez (protocolos 104413250/104413566), reclamei novamente na ligação que durou 48 minutos. Dia 23 de julho recebi SMS confirmando que o corte do sinal só seria feito em 21 de agosto, apesar de não estar utilizando desde 8 de julho, quando fiz o referido cancelamento. Pretendo agora ingressar no Juizado solicitando a devolução do valor debitado indevidamente, mais uma indenização por danos morais, além de reclamar no Procom/Ministério Público e Anatel. Foto: Firmino Caetano Junior. João Guilherme. Recife/PE