8 de julho de 2014

Metrô do Recife e seus trens sucateados

É impressionante o descaso para com a linha Sul da CBTU/Metrorec. Até antes da Copa do Mundo de Futebol era tolerável seguir num trem mais novo e confortável, onde o percurso entre as estações Prazeres à Joana Bezerra durava mais ou menos uns 18 minutos (se não ocorresse nenhum problema técnico). Mesmo sabendo que são poucos trens/metrôs para atender a demanda, o Metrorec ainda permite atrasos e horários nunca pontuais. Quando se organizaram para a Copa, O Metrô do Recife novamente devolveu aos usuários os velhos trens, e agora a mesma viagem dura no mínimo 23 minutos e às vezes chega aos 26 (percebidas nos dias 2 e 3 de julho, pela manhã e à noite). Quando há problema, os usuários chegam a passar muito mais tempo naquelas máquinas obsoletas e, raras vezes, limpas e com, pelo menos, o ar-condicionado funcionando. Foto: Firmino Caetano Junior. Jardson Alves Lemos. Jaboatão dos Guararapes/PE