24 de janeiro de 2015

Cadê o luto para as vítimas de balas perdidas?

O País ficou surpreso com a atitude de o Governo decretar luto pela execução do moço que foi fuzilado na Indonésia, em obediências às rigorosas leis do País, por causa do tráfico de drogas. No entanto, quando morrem crianças nas comunidades, vítimas de balas perdidas disparadas por facções em guerra, o governo silencia. Permanece calado. Não promete nada para combater os crimes hediondos que estraçalham famílias, matam milhares de inocentes e indefesos cidadãos. O Governo nem ao menos promete agir para atualizar as ultrapassadas leis penais brasileiras. Para decepção e desgosto social. Foto: Reprodução TV. Carlos Ivan. Olinda/PE