16 de fevereiro de 2015

Hospitais do Estado continuam uma lástima

A situação dos hospitais é um caos. Pacientes internados em macas pelos corredores ou em pedaços de papelões no chão, casos que se assemelham aos de uma enfermaria de guerra. Esta é a face cruel da assistência oferecida à população nos principais hospitais público de urgência e emergência em Pernambuco. Quase todo dia a TV mostra o sofrimento de quem necessita dos préstimos de um médico. O ex- governador Eduardo Campos cumpriu a promessa de entregar pelo menos três hospitais na Região Metropolitana, mas isso não diminuiu os graves problemas existentes há décadas. Pelo contrário, a cada dia que passa aumenta o número de pessoas que sofrem devido péssimo atendimento. Seria bom que o governador Paulo Câmara e seus secretários utilizassem os serviços das unidades de de saúde pública e fossem atendidos como pacientes comuns para sentirem na pele o tamanho desrespeito ao ser humano. Foto: Firmino Caetano Junior. José Ferreira Mulatinho Filho. Recife/PE