23 de dezembro de 2013

Bispo diz que bolsa família não resolve

O presidente da Cáritas Brasileira, dom Flávio Giovenale, que está lançando uma campanha de combate à fome, declarou a uma agência de notícia de Brasília, distrito federal, que os programas de transferência de renda do governo federal (leia-se Dilma e companhia) não atacam as causas da pobreza e que o Bolsa Família "é quase uma pre-aposentadoria". "Quem entra no Bolsa Família sonha em continuar. Não é que sonhe dizer "ah, tenho dignidade de sustentar a família, de crescer, de melhorar", disse o bispo. Na campanha, lançada na semana passada, a Cáritas Brasileira estimula discussões e propostas para uma saída do Bolsa Família. Ligado à Igreja Católica, a entidade é uma confederação de instituições e caridade com 164 organizações pelo mundo. Todas estão na campanha, mobilizando paróquias e comunidades. Foto: Igreja Largo da Paz, no bairro de Afogados, Recife. Pernambuco