21 de dezembro de 2013

Comida vencida apreendidas em escolas

A Polícia Federal de Pernambuco, junto com a Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa), apreenderam na última semana em duas escolas municipais a Cleto Campelo e Padre João Collingnon, na cidade de São Lourença da Mata, cidade sede da copa do mundo de 2014, dezenas de pacotes de flocão de milho que estavam vencidos e que eram servidos na merenda escolar aos alunos, mais quem consumiu por sorte não passou mal. A data de vencimento dos pacotes era adulterada pela empresa MP Distribuidora, responsável pelo fornecimento dos alimentos que foram indiciados. Segundo Giovane Santoro, assessor de comunicação da Polícia Federal do estado de Pernambuco, a investigação já estava acontecendo há alguns meses e a adulteração se confirmou quando a inspeção da PF e da Apevisa foi realizada nas escolas e no depósito da empresa acima citada e que, os responsáveis pelas escolas não sabiam do que estava acontecendo, pois eles recebiam esses alimentos na distribuidora, onde a data de vencimento já vinha no pacote. O lamentável nesta história é o fato da empresa vai responder pelo crime em liberdade (é a minha opinião). Foto: Cortesia da Polícia Federal para o blog As Mazelas do Recife