18 de janeiro de 2014

Mais de 600 mil pedras de crack apreendidas

A Polícia Federal de Pernambuco apreendeu 50 quilos de pasta base de cocaína na cidade do Cabo de Santo Agostinho, Região Metropolitana do Grande Recife. A cocaína, que procedia do Paraguai e seguia para a cidade de Olinda, que faz parte também da Região Metropolitana do Grande Recife, poderia se chegado ao destino se transformado em 150 quilos de crack e, consequentemente, em cerca de 600 mil pedras. A droga se comercializada renderia para os traficantes R$ 6 milhões de reais. A apreensão aconteceu no bairro da Charneca, numa das barreira policiais feitas para combater o tráfico interestadual de entorpecentes. A droga estava sendo conduzida em um caminhão por um cidadão que vinha de Foz do Iguaçu, no Paraná, para conhecer a capital de Pernambuco e a polícia se desconfiou que estava transportando a droga, quando o mesmo não soube informar após abordagem, onde ficaria hospedado. A droga estava num fundo falso da carroceria. Foi autuado em flagrante e encaminhado ao presídio e, se condenado, poderá pegar de 5 a 20 anos de reclusão, segundo Giovani Santoro, assessor de comunicação da Polícia Federal.