14 de maio de 2014

Cadê os protestos contra nossas vidas?

Todo dia assisto os programas policiais para checar o Ibope dos crimes, roubos, sequestros, torcidas organizadas, tráfico de drogas, Black Bloc e outros delitos que se tornaram rotina no Brasil. Sempre temos menores envolvidos nestes crimes que falam abertamente na TV que qualquer reação ou movimento metemos o trabuco. Outros já tem até três assassinados com 17 anos com várias passagem pela ressocialização. Mas sendo de menor ou de maior eles não tem o menor respeito pela vida humana. Depois da primeira morte as outras são rotina. Temos protestos se o metrô atrasa, contra a copa, por melhores salários, contra o Mais Médicos, por racismo, por homofobia, hospitais, professores/alunos (foto) e muitos outros. Então porque o brasileiro não faz protesto pela preservação da mais importante dádiva que Deus nos deu, que é a Vida? Foto: Maria Albênia Silva. Edson Campos E Silva. Recife/PE