10 de janeiro de 2015

Ano novo, Dilma de novo e miséria crescendo

Ano novo, vida nova e velhos problemas. Para renovar a esperança do brasileiro, o país tem de trilhar em 2015 seguros caminhos. Sem maquiagens e subterfúgios. A rota é longa e árdua. No entanto, transponível.  Além de domar a inflação, cortar gastos, aumentar a arrecadação, visando equilibrar despesas e receitas, o país tem de combater os piores calos nacionais, discriminados pela ordem de deficiências, como educação, violência, emprego, saúde, meio ambiente, justiça, infraestrutura, política, moradia, impostos, miséria e corrupção.  Foto: Firmino Caetano Junior. Carlos Ivan. Olinda/PE