24 de outubro de 2014

Inflação nos Supermercados

Está cada vez mais caro fazer as compras básicas no supermercado, tenho percebido que no intervalo de 30 dias o reajuste nos preços é maior do que 10% em diversos produtos, contrariando todos os indicadores oficiais e a percepção do consumidor desavisado. As autoridades de defesa do consumidor deveriam atentar aos aumentos de preços abusivos praticados pelos supermercadistas que faturaram cerca de R$ 214 bilhões em 2013,  11,3% a mais que o ano anterior e em 2014 suponho que aproveitem a euforia da copa e as incertezas das eleições para inflar os preços e obterem lucros gigantescos. Por outro lado as autoridades de defesa do consumidor deveriam autuar as empresas que diminuem a quantidade de seus produtos e continuam cobrando o mesmo preço. O Brasil está esquecendo das duras lições dos tempos da inflação galopante e dos fiscais do Sarney, onde os preços das mercadorias aumentavam todos os dias. O assalariado está perdendo o poder de compra com a desvalorização da nossa moeda. Onde vamos parar desse jeito?  Foto: Firmino Caetano Junior. Daniel Marques. Virginópolis/MG