29 de março de 2015

Esgotamento sanitário é um problema sério do Brasil

As secas prolongadas e as chuvas concentradas nas cidades, causa as mudanças climáticas, e esses efeitos tornam-se frequentes. Como atualmente o planeta passa por uma fase de aquecimento, os dois fenômenos, isoladamente, podem acontecer em locais diferenciados. Inundações locais e secas nos reservatórios. Porem, casa aos gestores públicos adotar planos específicos para evitar os estresses hídricos. Um caso sério no Brasil é deixar os rios servirem de diluidores de esgotos. Aceitar que somente 39% do esgotamento sanitário brasileiro sejam tratados, distribuindo doenças as mais diversas. Foto: Albênia Silva. Carlos Ivan. Olinda/PE