28 de março de 2015

Serviço na orla ficou horrível

Quem mora na cidade Olinda, em Pernambuco, não tem opção para praticar atividades esportivas na orla do município. Embora tenham gasto R$ 20 milhões na requalificação da orla, o serviço é precário e ficou horrível (foto). O ambiente, outrora cativo, perdeu o brilho de atração, espantando os turistas. Ao contrário do Recife, onde aplicando apenas R$ 16 milhões, deixaram os oito quilômetros da orla bem atraente. No novo polo de lazer da orla recifense, o jovem e idoso dispõem de excelente academia para as práticas esportivas. A pista de Cooper, enfeitada com aspectos ecológicos, oferece 20 equipamentos onde a rapaziada pode praticar qualquer tipo de atividade física e bem à vontade.  Dá vontade até de se mudar para capital. Foto: Firmino Caetano Junior. Carlos Ivan. Olinda/PE