1 de setembro de 2013

Deputado passando fome

Foi de matar qualquer contribuinte consciente a figura do deputado Donadon no plenário da câmara de joelhos reclamando da água fria e comida da prisão. Para convencer seus pares chegou a dizer que a família estava passando necessidade. Tamanha cara de pau me remeteu aqueles bandidos que com arma nas mãos são verdadeiros monstros, acuando, ameaçando e atirando em pessoas indefesas, mas quando presos ficam com cara de coitadinhos, amedrontados reclamando das condições na prisão. Vivendo e aprendendo. Bandido comum e de colarinho branco são iguais. Duvido que o deputado Donadon quando roubou um dos mais pobres estados da nação, tenha sentido pena dos miseráveis que passavam fome (como este por exemplo que aparece na foto na cidade do Recife catando lixo para comer) e que dependiam dele como seu representante. Naquela época ele tinha as armas nas mãos e mesmo assim os roubou. Foto: Firmino Caetano Junior. Beatriz Campos. São Paulo/SP