3 de junho de 2014

Rio Tietê, água e trânsito da cidade de São Paulo

A cidade de São Paulo não possui espaço livre para a circulação de veículos e o armazenamento de água potável, assim os engenheiros poderiam utilizar as encostas inutilizadas do rio Tietê e Pinheiros para a colocação de containers como reservatórios de água potável e sobre eles seriam pistas extras para veículos leves. A administração pública da maior cidade do Brasil deveria atentar às enormes áreas vagas e subutilizadas, principalmente em regiões onde o metro quadrado é hiper valorizado e planejar usos racionais e coerentes com a expansão imobiliária. Revoltante o paulistano ficar horas parado no trânsito ou montando inúmeros reservatórios de água sendo que há uma enorme faixa absolutamente vazia ao lado dos rios que cortam a cidade. Foto: Grizar Junior. Daniel Marques. Virginópolis/MG