24 de março de 2015

Crime ambiental em praia da Ilha de Fernando de Noronha

A Polícia Federal em Pernambuco, ao tomar conhecimentos da interdição para os banhistas da Praia do Cachorro, localizada na Vila dos Remédios em Fernando de Noronha, em Pernambuco, dia 18 de março, em razão de poluição ambiental, supostamente provocada por um vazamento de esgoto bruto originado da Estação de Tratamento da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa)) que desagou no Riacho Mulungu chegando até a praia, esclarece que foi determinado de imediato o deslocamento de uma equipe de policiais federais para o local, os quais levantaram informações sobre o episódio e realizaram exames periciais que tem como objetivo constatar as circunstâncias em que se deu os fatos, para saber qual foi as medidas tomadas pela Compesa. Foto: Divulgação